Cinco Motivos Pra Alugar O Brasil

30 Apr 2019 11:57
Tags

Back to list of posts

<h1>Unilever Amea&ccedil;a Parar De Investir Nas Redes sociais. Blefe?</h1>

<p>Uma das d&uacute;vidas mais comuns que um astr&ocirc;nomo encontra &eacute; com que objetivo serve a Astronomia. &Eacute; uma pergunta descomplicado e ao mesmo tempo complexa. A Astronomia &eacute; considerada a ci&ecirc;ncia mais antiga de todas, que tenta responder outras das d&uacute;vidas mais fundamentais imediatamente imaginadas: se estamos s&oacute;s no Universo, qual o in&iacute;cio e o futuro do Universo, entre tantas outras. No entanto, pra uma parcela da popula&ccedil;&atilde;o, entender o Universo aparentemente n&atilde;o tem conex&atilde;o nenhuma com nossa vida cotidiana, e o dinheiro investido nas pesquisas cient&iacute;ficas &eacute; at&eacute; visto como desperd&iacute;cio. Uma das melhores maneiras de ilustrar o embate que as pesquisas astron&ocirc;micas tem em nosso dia-a-dia &eacute; mencionar a transfer&ecirc;ncia de tecnologia.</p>

<p>Ao apresentar contribui&ccedil;&otilde;es tang&iacute;veis para a sociedade, &eacute; poss&iacute;vel mostrar que a Astronomia &eacute; uma das ci&ecirc;ncias mais dinamicamente integradas com o progresso da humanidade. A inven&ccedil;&atilde;o dos detectores digitais de imagens baseados em CCDs revolucionou a astronomia e provavelmente chegou ao grande p&uacute;blico nas c&acirc;meras digitais (Cr&eacute;dito: Lucent Technologies Bell Labs).</p>

<p> Marketing Sem Segredo n&atilde;o faltam. Desde o calend&aacute;rio, inven&ccedil;&atilde;o milenar montada atrav&eacute;s da an&aacute;lise paciente dos ciclos do Sol, Lua e estrelas, at&eacute; a hoje onipresente c&acirc;mera digital que inunda as redes sociais de selfies. Porto Feliz Recebe 3&ordf; Edi&ccedil;&atilde;o De Maratona De Marketing Digital tiveram come&ccedil;o num observat&oacute;rio ou laborat&oacute;rio astron&ocirc;mico acrescentam t&eacute;cnicas de processamento de imagens utilizadas em exames m&eacute;dicos, cromat&oacute;grafos de g&aacute;s usados em aeroportos para detec&ccedil;&atilde;o de drogas e explosivos, e a transmiss&atilde;o de fatos por redes sem fio.</p>

<p>Esse sensacional post elenca uma s&eacute;rie de inova&ccedil;&otilde;es oriundas das pesquisas de astronomia que provavelmente chegaram ao nosso dia a dia. O que me motivou a escrever essa coluna foi a participa&ccedil;&atilde;o de uma cientista brasileira num primordial evento exercido em S&atilde;o Paulo na semana passada, informando pontualmente sobre o assunto este cen&aacute;rio. Du&iacute;lia de Mello no palco do evento Brasil em C&oacute;digo.</p>

<p>Uma das principais atra&ccedil;&otilde;es do evento foi a astrof&iacute;sica brasileira Du&iacute;lia de Mello. Radicada no exterior h&aacute; 21 anos, Du&iacute;lia trabalha com o telesc&oacute;pio espacial Hubble da NASA e na atualidade &eacute; vice-reitora da Catholic University of America em Washington, D.C., EUA. Du&iacute;lia dialogou de forma acelerada comigo sobre a aparentemente inusitada participa&ccedil;&atilde;o de uma astrof&iacute;sica num evento empresarial. Voc&ecirc; &eacute; uma cientista com s&oacute;lida trajet&oacute;ria acad&ecirc;mica. Como se sente ao ser convidada pra participar de um evento retornado ao p&uacute;blico empresarial?</p>

<p>DU&Iacute;LIA - O p&uacute;blico empresarial &eacute; bem distinto do p&uacute;blico que os cientistas est&atilde;o acostumadas a comentar, o que torna muito relevante essa experi&ecirc;ncia. Temos que anunciar aos empres&aacute;rios a gravidade dos investimentos em ci&ecirc;ncia, os grandes resultados que a ci&ecirc;ncia traz e os benef&iacute;cios que s&atilde;o gerados por essas descobertas. Fiquei orgulhosa de ser convidada e poder explicar a tecnologia que utilizamos nas pesquisas de astronomia e que acabam beneficiando a popula&ccedil;&atilde;o como um todo. Grandes projetos cient&iacute;ficos como os de Astronomia observacional envolvem aquisi&ccedil;&atilde;o e compreens&atilde;o de quantidades colossais de fato, o “Big Data”. Faf&aacute; De Bel&eacute;m Ostenta&ccedil;&atilde;o! Cantora Gasta R$ 590 Em Almo&ccedil;o E &eacute; Criticada Por F&atilde;s os astr&ocirc;nomos s&atilde;o capazes de auxiliar a ind&uacute;stria a aguentar com o grande volume de fatos gerado diariamente na sociedade?</p>

<ol>
<li>Quatro - Engajamento</li>
<li>1 Colher de sopa de Manteiga</li>
<li>dez Informa&ccedil;&otilde;es Para Vender Artesanato De lado a lado das Redes sociais</li>
<li>Torne p&uacute;blico suas conquistas</li>
<li>CANETA BIC Pra MULHERES</li>
</ol>

<p>DU&Iacute;LIA - A Astronomia agora tem trabalhado com Big Data h&aacute; algum tempo, e estamos nos preparando pra lidar com uma quantidade ainda maior de fatos. Al&eacute;m de trabalhar com a migra&ccedil;&atilde;o de fatos h&aacute; mais de uma d&eacute;cada, os astr&ocirc;nomos t&ecirc;m empregado cada vez mais a Intelig&ecirc;ncia Artificial em tuas pesquisas.</p>

[[image http://mishacreatrix.com/wordpress/wp-content/uploads/2017/12/orange-01.png&quot;/&gt;

<p>Acredito que a crescente credibilidade do Big Data pela ind&uacute;stria pode beneficiar um maior di&aacute;logo com os cientistas. Temos muita experi&ecirc;ncia nessa &aacute;rea. Em sua avalia&ccedil;&atilde;o, as universidades brasileiras podem preparar seus estudantes pra trabalhar na ind&uacute;stria 4.0? O que queremos aperfei&ccedil;oar? DU&Iacute;LIA - Temos boas universidades no estado que travam contato volumoso com a ind&uacute;stria e preparam seus estudantes pra ind&uacute;stria 4.0, no entanto acho que isto ainda &eacute; apenas o in&iacute;cio. Os adolescentes de hoje est&atilde;o por dentro das outras tecnologias, que chega at&eacute; eles n&atilde;o s&oacute; pela faculdade mas tamb&eacute;m pelas sugest&otilde;es que obt&eacute;m da Web.</p>

<p>A moderniza&ccedil;&atilde;o do ensino pra se acertar &agrave; nova ind&uacute;stria &eacute; uma tend&ecirc;ncia mundial, e o que tenho visto no Brasil acompanha o que ocorre em outros pa&iacute;ses do universo. Contudo devemos aprimorar sempre. &Eacute; preciso investir mais em inova&ccedil;&atilde;o, que &eacute; uma quest&atilde;o que nasce na Faculdade e somente depois chega &agrave; ind&uacute;stria.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License